Ed. Praia Trade Center / Vitória - ES
Salas 501 e 502 - Santa Lúcia
27 3345-7011
administrativo@acr-es.com.br

Governador e ministro dos Transportes debatem intervenções no Espírito Santo

06/07/2016

Ampliação das obras do contorno do Mestre Álvaro, na Serra, cronograma de retomada das obras de dragagem e derrocagem do canal de acesso estão ao Complexo Portuário de Vitória e duplicação da BR 262. Esses foram os temas da audiência entre o governador Paulo Hartung e o ministro dos Transportes, Portos e Aviação Civil, Maurício Quintella Malta Lessa, no final da tarde de ontem, em Brasília.

Hartung adianta que as obras do contorno estão previstas para iniciar no próximo mês com data a ser agendada pelo Ministério. A intervenção tem investimento estimado em R$ 290 milhões. Ao todo, serão 19 quilômetros de via, com quatro pistas, sendo duas em cada sentido, para ligar dois pontos da BR 101, do km 249 até o km 275. Além da pista, o trecho vai contar com faixa multiuso para ciclistas em toda a extensão e treze passagens de fauna, que são viadutos que permitem que animais cruzem a pista, já que o contorno passará próximo a áreas de preservação ambiental.

Já as obras de dragagem e derrocagem do canal de acesso ao Complexo Portuário de Vitória serão retomadas nos próximos dias. Os equipamentos estão no Porto de Vitória. Com a retomada das obras, vai ser concluída a retirada das pedras do fundo do canal.

De um total de 1,8 milhão de metros cúbicos de dragagem, faltam 690 mil metros cúbicos. Quanto à derrocagem, restam 4 mil metros cú- bicos, de um total de 110 mil estimados. O canal tem profundidade de 11,4 metros e permite a navegação de navios com calado de 10,6 metros, com carga máxima de 40 mil toneladas. Após a conclusão da obra, a profundidade vai chegar a 14 metros. De acordo com a Codesa, navios com calado de 12,5 metros poderão acessar o porto transportando até 60 mil toneladas, o que representará aumento de 40% da capacidade de carga. Com a conclusão da obra no final de 2016, está previsto um aumento de movimentação de cargas na ordem de 40%.

Sobre a BR 262, Hartung destacou que o Governo Federal segue procurando um formato de modelo para receber investimentos da iniciativa privada para duplicação e modernização da rodovia. A reunião aconteceu no final da tarde de ontem, em Brasília.

 

Fonte: Governo do Estado do ES.

1 Response

  1. Fui no varios sites na web a fim de analisar sobre isto, li varios sites
    e nenhum se compara a essa até este lugar, seu Texto bem como exelente, bem perfeitamente aclimado bem como explicativo,
    adorei. agradecido pelas informaçoes.
    desculpe o portugues estou fora do BR a anos.

Deixe seu comentário